Após três dias de provas oficiais, terminou ontem (9) o Campeonato Brasileiro de Rotax, no Kartódromo Internacional Speed Park, em Birigui (SP). Foi a primeira competição nacional realizada no empreendimento, inaugurado em março deste ano.

Os campeões das categorias Rotax Max (a partir dos 15 anos), DD2 Sênior e DD2 Masters garantiram vaga direta para a maior competição internacional de kart, o Rotax Max Challenge Grand Finals 2018, que será realizado em dezembro, em Conde, na Paraíba.

As demais categorias somaram pontos em etapas anteriores e os primeiros colocados também vão para a final.

Ao todo, 64 pilotos se inscreveram para o evento nas sete categorias. Dentre eles estavam pilotos da Argentina, Paraguai e Peru.

Para o Mundial foram classificados – juntando-se os pontos de provas anteriores e as classificações da etapa de Birigui – os pilotos Murilo Rocha (Micro Max); Felipe Bartz (Junior Max); Vinicius Tessaro (Mini Max); Matheus Rebouças (DD2 Sênior) e Alexandre Trita (DD2 Master); Giuliano Raucci (Sênior Max) e Luiz Antonio da Silva (Max Master).

Na quinta-feira (6) foram realizados os treinos oficiais. No feriado da Independência, as provas classificatórias, que começaram de manhã e só acabaram no meio da tarde. Essas disputas definiram o grid de largada das pré-finais e finais de ontem.

A CARREIRA DE TRITA

Trita com a esposa Maria Luíza Riscali

Iniciando no kart profissional há mais de 15 anos apoiado pelo seu tio Jose Fernando Trita e também pelo seu grande amigo e piloto olimpiense Luciano Zangirolami (ambos campeões brasileiros de kart), o piloto olimpiense ficou afastado das pistas por alguns anos e retornou aos campeonatos profissionais de kart em 2015.

Atualmente, compete na categoria Rotax DD2 Masters (motores com quase 40hp e marchas, para pilotos acima de 32 anos).

Em 2017, foi vice campeão da Copa SP e como prêmio ganhou a vaga pela primeira vez para disputar o campeonato mundial da categoria que foi realizado em Portugal com todas as despesas pagas pela organização.

Em seu primeiro mundial, chegou à final do evento terminando entre os 25 melhores do mundo dentre os 72 participantes.

Em 2018, foi o terceiro colocado no campeonato brasileiro realizado na cidade de Birigui classificando assim pela segunda vez para o mundial da categoria que será realizado em Conde na Paraíba.

O mundial deste ano também contará com a presença do ex-piloto de F1 e atual piloto de Stock Car Antonio Pizzonia que garantiu a vaga pelo US Open.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA