A sede da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo) da Estância Turística de Olímpia recebeu, na manhã dessa quarta-feira (21), o aval de funcionamento, sendo considerada o primeiro polo 100% habilitado do noroeste paulista.

A declaração foi dada após ter sido realizada a última vistoria necessária para habilitação da estrutura. A verificação foi feita pelo fiscal da Univesp, Rodolfo Val Ferreira.

Acompanhado do coordenador do polo local, Tiago Ignácio, o vistoriador visitou e fotografou todos os ambientes da universidade, que funciona na Escola Estadual Maria Ubaldina de Barros Furquim. A diretora da escola, Margareth Gaetan, também esteve presente.

Desde as vistorias anteriores, o fiscal já vinha ressaltando que o polo de Olímpia é um dos que mais atendia às especificações da Univesp. A visita técnica, que é um procedimento padrão, verifica toda a infraestrutura da instituição, incluindo a acessibilidade, identificação visual bem como a documentação exigida, sendo que tudo está em ordem no município.

Olímpia foi uma das cidades contempladas com a conquista do polo no último ano com o intuito de proporcionar formação de ensino superior de forma gratuita, por meio de um convênio da Prefeitura com o Governo do Estado. A busca do polo para a cidade foi resultado do trabalho do prefeito Fernando Cunha, com apoio do vereador Fernandinho Silva, responsável pela indicação da instituição.

O polo local oferece Pedagogia, Engenharia da Computação, Engenharia da Produção e Tecnólogo em Gestão Pública. As aulas são oferecidas por professores da USP, Unesp e Unicamp e Fatec.

A Univesp é uma instituição de Ensino Superior mantida pelo Governo do Estado de São Paulo, vinculada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação e credenciada como universidade pelo Conselho Estadual de Educação e pelo MEC.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA