Na manhã desta terça-feira (6), a Prefeitura de Olímpia e a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU) realizaram a entrega das escrituras para 14 moradores dos conjuntos habitacionais de Olímpia, primeira cidade no Estado a fazê-lo. A ação foi realizada pela Secretaria de Planejamento, Habitação e Gestão Ambiental, por meio da Divisão de Habitação.

De acordo com o prefeito Geninho Zuliani, agora as famílias terão a escritura definitiva das suas casas. “O secretário da Habitação, Rodrigo Garcia, começou um trabalho para que nós pudéssemos entregar as escrituras por meio da CDHU para as famílias que já tinham quitado suas casas”, disse o prefeito. Olímpia tem um relatório com 90 pessoas.

DSC_0085A CDHU de Ribeirão Preto encaminhou correspondência para a casa de cada mutuário pedindo que procurassem a Divisão Municipal de Habitação a fim de realizar o procedimento. “Hoje temos 14 pessoas presentes que vão receber o contrato definitivo. Com esse contrato, os mutuários já podem ir ao Cartório de Registro de Imóveis e fazer a escritura em seus nomes”, informou Geninho Zuliani.

No encontro, o Prefeito fez a entrega simbólica da escritura para o casal José Carlos Ferreira e Audete Batista de Carvalho Ferreira, proprietários de imóvel no CDHU-I, no Jardim São José.

Antônio Carlos de Oliveira Junior, gerente de atendimento habitacional do Núcleo Regional da CDHU de Ribeirão Preto, disse que esse é um momento importante para os mutuários. “O prefeito Geninho e o secretário Rodrigo Garcia pediram à nova diretoria da CDHU empenho para entregar estes contratos de quitação. Foram 90 famílias convocadas, mas muitas já mudaram, muitos mutuários já faleceram e compareceram 14 famílias para entregarmos o contrato de quitação. Eles agora vão fazer a escritura das casas no Cartório de Olímpia para ter seus nomes vinculados às moradias”, disse.

As famílias que não compareceram devem procurar a Divisão de Habitação para obter a relação da documentação necessária. “Depois da coleta dos documentos, a Divisão de Habitação de Olímpia encaminha toda essa papelada para a CDHU, em Ribeirão Preto, e nós mandamos  para São Paulo e vamos pedir um documento de quitação dessas famílias. A ideia é zerar essas 90 famílias aptas a receberem o documento de quitação da CDHU”, complementou o gerente de atendimento habitacional.

“Esse trabalho de entrega das escrituras está começando por Olímpia e depois vamos expandir. Olímpia está sendo a pioneira. Estamos fazendo um trabalho maciço aqui para zerar essa questão dos contratos de quitação”, concluiu Antonio Carlos de Oliveira Júnior.

Também estiveram na reunião o Secretário de Planejamento, Habitação e Gestão Ambiental, Fernando Barbosa Velho, a diretora da Divisão de Habitação, Adriana Piton, e os representantes da CDHU, Antonio Carlos Voltani e Fabiano Guimarães.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA