Nesta quarta-feira (27), foi lançada uma campanha a fim de contribuir com a conscientização dos católicos de toda a Diocese de Barretos quanto à importância da prevenção e combate à dengue.

Segundo o padre Thiago Reis, coordenador diocesano de pastoral e pároco da Paróquia Bom Jesus em Barretos, “todos nós sabemos o quanto é importante, por exemplo, não deixar água acumulada para que vire locais de criadores do mosquito da dengue, e não sabemos identificar o que ainda acontece que estamos vivendo um momento crítico, então, por isso é importante que nós padres também contribuamos em nossas paróquias, sobretudo nas missas, com essa conscientização”.

Segundo o último levantamento divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Barretos, na quarta-feira (27), são 2.126 notificações e 1.038 casos confirmados de dengue, e do total de positivos 43 são pacientes com sinais de alerta e três em grave situação, além da possibilidade de dois óbitos terem acontecido pela doença, mas que precisam ser confirmados ainda pelo instituto Adolfo Lutz. No município sede do bispado, os bairros com maior número de notificações são Zequinha Amendola (Barretos II) e Nova Barretos.

A campanha divulgada pelas redes sociais lembra os católicos para evitarem o acúmulo de água, colocarem telas nas janelas se houver a possibilidade, areia nos vasos de plantas, conscientização com o próprio lixo, a necessidade de colocar desinfetantes nos ralos, limpar piscinas, calhas e aquários.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA