A Estância Turística de Olímpia será uma das 70 Estâncias Paulistas beneficiadas pelo novo recurso de R$ 416 milhões liberado pelo Governo do Estado. O anúncio foi feito pelo Governador Geraldo Alckmin durante a 1ª Reunião Ordinária de Prefeitos de 2018 da Aprecesp (Associação das Prefeituras das Cidades Estância do Estado de SP), realizada no último sábado (10), em Serra Negra.

A medida possibilitará aos municípios receber recursos do DADETUR (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos) que foram contingenciados desde 2016, devido à crise econômica.

Com a autorização, Olímpia deve ser beneficiada com mais de R$ 1 milhão, além da verba anual a que o município tem direito. Segundo o prefeito Fernando Cunha, a destinação do novo recurso será discutida com os membros do COMTUR (Conselho Municipal de Turismo).

Além dessa novidade, outra decisão que contemplará os municípios turísticos é o decreto que autoriza o Governo a liberar 20% do valor do convênio assim que a Prefeitura assinar a ordem de serviço da obra para a qual pleiteou recursos. Isso proporcionará agilidade na execução, uma vez que, atualmente, a verba só é cedida após a comprovação de realização de, ao menos, parte do projeto.

Ainda na ocasião, o secretário estadual de Turismo, Fabrício Cobra Arbex, apresentou um balanço positivo das ações desde que assumiu o cargo e destacou propostas para fortalecer a divulgação e promoção das estâncias turísticas.

A cidade de Olímpia foi representada na oportunidade pelo secretário de Turismo, Dr. Selim Jamil Murad. A reunião contou ainda com a presença de 29 prefeitos, do deputado estadual, Edmir Chedid, e os federais, Marcelo Squassoni, Nelson Marquezelli, Roberto de Lucena, Herculano Passos e Samuel Moreira (secretário-chefe da Casa Civil). Também estiveram presentes, pela APM (Associação Paulista de Municípios), o presidente, Carlos Cruz, e o vice-presidente e secretário Nacional de Relações Institucionais da Presidência da República, Marcelo Barbieri, além do presidente da UVESP – União dos Vereadores de São Paulo, Sebastião Misiara.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA