Na noite da última segunda-feira (15), a Estância Turística de Olímpia recebeu o secretário de Turismo de Brotas, Fábio Pontes, para ministrar uma palestra destinada, principalmente, aos empresários do setor turístico.

Durante o evento, o convidado apresentou os resultados positivos do trabalho de fortalecimento do turismo no município, por meio da parceria Poder Público e Privado, como gerador de renda e de desenvolvimento econômico.

Brotas, que também é Estância, é conhecida como a capital do turismo de aventura no interior do Estado de São Paulo e, desde o fim de 2015, fez alterações em sua legislação que regulamenta o Sistema Municipal de Controle de Visitação Turística (SMCV), também chamado de sistema de Voucher. Com isso, o município passou a ter informações mais detalhadas e precisas sobre a visitação de turistas e os serviços utilizados, bem como implantou uma taxa de pouco mais de R$ 1,00 pelo uso de cada atividade turística.

O sistema registra todos os turistas e, assim, garante o respeito ao número de visitantes em relação a um estudo de impacto ambiental, controla o serviço turístico, gera dados estatísticos, fundamentais para o planejamento turístico e também combate a sonegação fiscal.

Do montante arrecadado pela taxa do voucher, metade é destinada à Prefeitura para custear o sistema de monitoramento e outra parte para o FUMTUR (Fundo Municipal de Turismo), na qual o COMTUR (Conselho Municipal de Turismo) decide como investir na promoção e divulgação do destino Brotas. Apenas em 2017, o sistema arrecadou mais de R$ 200 mil, registrando um aumento de 16% em relação a 2016.

A atividade integrou as ações do Programa “Turismo: Consciência, Participação e Desenvolvimento”, desenvolvido pela Prefeitura, por meio da secretaria de Turismo.

Mais de 60 pessoas acompanharam a palestra, ministrada na Sala de Convenções do parque Thermas dos Laranjais, entre elas o prefeito Fernando Cunha, o secretário de Turismo, Dr. Selim Murad, funcionários da secretaria, empresários e representantes dos meios de hospedagem, agências de turismo, atrativos e serviços direta ou indiretamente ligados ao setor.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA