A Prefeitura de Olímpia entrega no próximo dia 17, às 20h, o Museu de Arte Sacra e Diversidade Religiosa. O grande dia será marcado por uma mostra da exposição “Arte Sacra para Ver e Sentir”, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da secretaria de Cultura e Economia Criativa, e com o Museu de Arte Sacra da capital.

O novo atrativo funcionará no conhecido Palacete Tonanni, na Rua David de Oliveira, prédio que abrigava o Museu de História e Folclore “Maria Olímpia”. O espaço foi revitalizado mantendo toda a característica original do prédio.

No total, foram investidos mais de R$ 500 mil, sendo parte do recurso de emenda parlamentar da então deputada federal Keiko Ota (PSB), por meio do Ministério do Turismo, e o restante de contrapartida da Prefeitura.

Segundo o prefeito Fernando Cunha, “a construção do Palacete Tonanni é de 1910 e representa um marco arquitetônico na história de Olímpia, por isso, a importância da obra”. O prefeito ainda comemorou a instalação do Museu de Arte Sacra como mais uma opção de lazer e atração turística. “A instalação do Museu de Arte Sacra é um sonho que estamos realizando. É uma importante conquista na área da Cultura para nossa cidade”, completou.

A exposição “Arte Sacra para Ver e Sentir” é composta por mais de 60 imagens sacras que são réplicas exatas dos originais. A técnica utilizada na execução das peças é um processo de última geração, baseado em impressão 3D, em ABS (acrilonitrila butanieno estireno), com policromia executada pela Oficina da Memória. As peças estarão expostas no piso superior do prédio.

Já no piso inferior do Museu, a secretaria de Cultura, Esportes e Lazer está preparando uma exposição com diversos presépios de artesãos de Olímpia, que também conta com o apoio da Paróquia Nossa Senhora Aparecida. De acordo com o secretário Beto Puttini, ainda existem espaços disponíveis e os interessados em expor suas peças podem procurar a secretaria de Turismo, pelo telefone (17) 3280-6294.

Com a abertura do atrativo, a exposição ficará disponível para visitação ao público até o dia 10 de fevereiro, de terça a domingo, das 15h às 21h, respeitando os protocolos recomendados como a limitação da capacidade do local e uso de máscara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here