A partir do próximo dia 20 a autarquia Daemo Ambiental, de Olímpia, irá retomar o cadastramento dos interessados para a castração gratuita canina e felina em fêmeas, após novo processo licitatório. Espera-se que sejam realizadas, em um ano, 1.500 castrações entre cães e gatos, com uma estimativa de aproximadamente 125 processos cirúrgicos por mês.

O cadastro será destinado somente para famílias de baixa renda. Para o cadastramento, o proprietário do animal deverá se dirigir até o setor de atendimento da Daemo e apresentar os seguintes documentos (original e cópia): RG, CPF, comprovante de residência e algum documento que comprove a baixa renda, ou o número do NIS-Número de Identificação Social, cartão do Bolsa Família ou alguma declaração da secretaria de Assistência Social.

Após o cadastro, será realizada uma entrevista pelo médico veterinário responsável, para conhecer o animal e verificar as condições para a castração.

A autarquia ainda orienta que os cadastros realizados na autarquia serão atendidos de acordo com o cronograma estabelecido.

De acordo com a divisão de Meio Ambiente, responsável pelo setor de animais, a Daemo Ambiental tem como meta implementar novas políticas e programas de gestão de animais de pequeno porte. Por isso, além da castração, o Daemo Ambiental também está implantando microchips, um sistema eletrônico de identificação de animais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here