O prefeito Fernando Cunha recebeu das mãos da diretora-presidente da CETESB, Patrícia Iglecias, a licença de operação da Estação de Tratamento de Esgoto da cidade.

A ETE, que foi entregue no último mês, já está funcionando em fase de testes e aguardava a licença provisória para operar regularmente. Com um investimento de R$ 28 milhões do Governo do Estado e área doada pelo município, o empreendimento possui capacidade para tratar todo o esgoto gerado na cidade, retirando aproximadamente 81 toneladas/mês de esgoto doméstico lançado in natura no córrego Olhos D’Água.

“Hoje é mais um dia histórico e importante para Olímpia. Com a licença em mãos entregue pela presidente da CETESB, a Estação vai permitir que a gente trate 100% do esgoto da cidade, lançando Olímpia num patamar de qualidade ambiental de primeiro mundo. Olímpia, que já tem importantes indicadores no Estado, avança agora na área de meio ambiente e isso permitirá que, em outubro, se inicie a operação efetiva do tratamento que antes era lançado no leito do rio. Com a ajuda da CETESB e do Governo do Estado, teremos um rio limpo e nós devolveremos para a natureza aquela qualidade que o rio sempre deveria ter tido”, destacou o prefeito.

Durante a passagem por Olímpia, Patrícia também visitou a Tereos Açúcar & Energia Brasil, o Parque Aquático Thermas dos Laranjais e se reuniu com os servidores públicos da Daemo na sala de reuniões do Gabinete Executivo. Na ocasião, ela conheceu os projetos executados na área ambiental pelo município, como de Arborização Urbana, Proteção Animal, Município VerdeAzul, Licenciamento, Resíduos Sólidos e Educação Ambiental, entre outros.

“A CETESB fica muito feliz em entregar a licença a título precário da ETE do município. Fiquei muito contente em ver o trabalho que vem sendo feito pelo prefeito Fernando e satisfeita em verificar o interesse de melhorar a qualidade de vida da população e os aspectos ambientais. O município avançou muito no Programa Município VerdeAzul, subiu 140 posições. São diversas diretivas que estão sendo trabalhadas e avançadas aqui. Para nós é sempre importante verificar esses exemplos positivos e levar para outros municípios, de forma que o Estado possa avançar em sustentabilidade, que envolve aspectos ambientais, sociais e econômicos”, afirmou a diretora-presidente.

created by dji camera

Além do prefeito, acompanharam a diretora-presidente na visita, a superintendente da Daemo Ambiental, Tina Riscali, os assistentes executivos da Presidência da CETESB, Antônio Falco Junior e Aruntho Savastano Neto e os gerentes regionais, Jordão Pagani (Rio Preto) e Davi Faleiros (Barretos), além de funcionários do DAEE, Daemo e da empresa ETC – Empreendimentos, Tecnologia e Construção Ltda.

 ETE DE OLÍMPIA

Localizada próximo à confluência das rodovias Assis Chateaubriand e Wilquem Manoel Neves, a ETE de Olímpia opera com um conjunto de reatores anaeróbios, filtros biológicos e decantadores. Este processo de tratamento, além de apresentar baixo custo de implantação e operação, ocupa pequena área para ser implantado e apresenta uma grande simplicidade operacional, baixa produção de lodos e eficiência compatível com a legislação ambiental. O conjunto de obras inclui também 2,3 quilômetros de emissários, estação elevatória, 360 metros de linha de recalque e 200 metros emissário de esgoto tratado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here