O comércio tradicional no Dia de Finados, segunda-feira (2) terá 80% a menos de barracas habilitadas pelo setor de fiscalização da Prefeitura de Olímpia, ou seja, de 59 no ano passado, este ano haverá 11 ou 12, todas instaladas com distância de 5 a 10 metros, e com protocolos que vão da proibição do consumo no local (exceto água e refrigerante) à obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção facial.

A informação é do responsável pela Fiscalização, Fabrício Raimondo, ao Diário, após recebermos reclamações de vizinhos do Cemitério São José. “Foi tudo bem pensado e organizado com o Comitê de Gerenciamento da Covid-19, com o prefeito Fernando Cunha, e o resultado é que tivemos 16 inscrições na licitação para o comércio eventual de Finados, mas só 12 fizeram propostas”, disse.

A orientação do novo edital é que apenas 30% da ocupação normal fosse ocupada, ou seja, cerca de 20 vagas, contra as 60 habituais. Além da preocupação da Covid-19, da pandemia, este ano há um diferencial exclusivo da data: Finados vai coincidir com a movimentação eleitoral, o que foi mais um fator para que, segundo o responsável pela Fiscalização, “não houvesse interferência de indicações, por exemplo, de políticos ou candidatos”.

Além disso, as barracas estarão distantes – de 5 a 10 metros, dentro da demarcação que está sendo feita – e instaladas em um só lado da Rua Síria, o que possibilitará um trajeto mais largo e seguro.

Bebidas alcoólicas não poderão ser consumidas no local, assim como pastéis, por exemplo. Apenas água e refrigerantes para a hidratação normal dos frequentadores.

Fiscais da Prefeitura, ligados à Secretaria de Indústria e Comércio, estarão presentes o tempo todo, inclusive com máscaras que receberam em doação do ‘trade’ turístico que poderão ser fornecidas para quem, eventualmente, esquecer o EPI (equipamento de proteção individual) em casa.

Além da presença dos fiscais, que poderão ser acionados por quem quiser fazer alguma denúncia, o telefone (17) 99606-8573 está disponível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here