Os agentes comunitários de Saúde da Estância Turística de Olímpia agora possuem mais um recurso para melhorar os atendimentos domiciliares oferecidos aos moradores. Os profissionais receberam tablets para execução os serviços e passaram por capacitação para operação dos equipamentos.

Essa modernização permitirá extinguir as fichas de papel, permitindo coletar informações individualizadas de forma rápida e mais segura, enviados para a Secretaria em tempo real, possibilitando maior eficiência nos trabalhos.

Ao todo, foram adquiridos 37 tablets, no valor de cerca de R$ 11 mil, provenientes de parte de um recurso de emenda parlamentar.

Os equipamentos também auxiliarão na atualização cadastral dos moradores para o novo financiamento da Atenção Básica para o SUS – Sistema Único de Saúde, tendo em vista as mudanças apresentadas pelo Governo Federal, por meio do programa Previne Brasil.

Com as alterações, o valor repassado aos municípios será definido de acordo com a quantidade de moradores cadastrados e não mais com base nos dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

A proposta tem o intuito de incluir mais pessoas nos programas de atenção primária, ampliando os investimentos destinados ao município.

De acordo com o secretário de Saúde, Marcos Pagliuco, os equipamentos otimizarão os serviços porque, até então, os agentes comunitários realizavam as visitas e preenchiam os formulários manualmente, sendo necessário repassar os dados para o sistema eletrônico ao retornar às Unidades Básicas de Saúde da Família.

“Nosso objetivo é evitar o retrabalho de todo o processo porque, agora, os dados serão coletados e inseridos diretamente no cadastro digital, aumentando a produção dos profissionais e possibilitando ampliação no atendimento. Estamos promovendo mais esta inovação para dar mais suporte às equipes de Saúde e, assim, melhorar a qualidade e o serviço oferecidos aos moradores”, explica o titular da Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here