O prefeito Fernando Cunha, de Olímpia, não concorda com o endurecimento das regras de flexibilização do Estado, e que atribuía à Olímpia a fase 3, de um total de 5 (esta abriria totalmente uma nova ‘vida normal’), despencando para a fase 1, vermelha, de total fechamento. Por isso, ingressa na Justiça nesta sexta-feira (12) a manutenção da atual fase, já que a mudança de planos do governador João Doria se dará na terça-feira (16).

Ao Diário, com exclusividade, o prefeito comentou: “Respeitamos o governador João Doria, mas pelos critérios técnicos Olímpia foi reclassificada erroneamente. A capital paulista ele analisou separadamente, que faça o mesmo por Olímpia”.

E, foi taxativo: “O governador que respeite Olímpia e faça o mesmo por Olímpia, ou seja, avalie em separado e veja que os nossos índices são favoráveis à manutenção e, em breve, à uma reclassificação melhor, e não pior como ocorreu”.

Olímpia despenda duas fases para trás segundo a visão de Doria, quando,na verdade, comparando-se o número de leitos de UTI, com a única ocupação na Estância, com a evolução dos casos positivos, comparando-se até com cidades menores no entorno, a tendência é a de melhorar a classificação e a abertura gradual, e segura, do comércio e atividades, inclusive turísticas, cujo plano de ‘faseamento’ da abertura dos hotéis e parques iria ser divulgado nos próximos dias, conforme o Diário adiantou com exclusividade, entre outras informações de Saúde, da volta às aulas, da indústria e do comércio, do Festival totalmente digital, entre outras informações, que você pode conferir neste link.

O Diário saiu na frente com essa informação, confira a Live do Diário de hoje:

ATUALIZAÇÃO — O prefeito divulgou um vídeo na rede social do Facebook, depois de nossa live, já no final da tarde, confirmando a nossa live:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here