Foi realizada na tarde de ontem (28) mais uma Reunião Ordinária do COMTUR – Conselho Municipal de Turismo da Estância Turística de Olímpia. O encontro foi realizado na Sala de Convenções do Thermas dos Laranjais, com a presença de cerca de 50 pessoas, entre empresários do trade turístico, secretários municipais, investidores, representantes de instituições e vereadores.

A pauta da reunião contemplou a apresentação do relatório da irmanação entre a cidade de Olímpia e Antiga Olympia, da Grécia, além da proposta de revisão do Plano Diretor de Turismo.

Antes da explanação, o prefeito Fernando Cunha abriu os trabalhos, ressaltando dados e estudos importantes do município para o desenvolvimento econômico, entre eles o projeto do aeroporto. “São projetos e ideias que estamos pensando para o futuro, mas que dependem de medidas estruturantes imediatas, para que possamos equipar a nossa cidade para evoluir o turismo. Então, esta viagem à Grécia também tem esta proposta porque busca referências turísticas de grandes e conceituados destinos do mundo, explorando não só o alcance regional do nosso turismo, mas também vislumbrando a internacionalização, que é um mercado em potencial”, destacou o prefeito.

Em seguida, a turismóloga Cristina Prado, que foi uma das representantes do município na irmanação, apresentou um balanço da viagem, citando as reuniões realizadas e a experiência adquirida em visita aos principais pontos turísticos da Olympia Antiga, bem como apresentou trechos da cerimônia de geminação das cidades.

A irmanação, que foi realizada no dia 10 de junho deste ano, se concretizou após diversas tratativas e decisões aprovadas pelos Conselhos Municipais, com proposta oficial apresentada pelo prefeito Fernando Cunha e intermediada pelo embaixador do Brasil na Grécia, Cesario Melantonio Neto, com apoio do então ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, e auxílio do neurologista e professor da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), Prof. Dr. Acary Bulle Oliveira, que esteve presente na cerimônia.

O ato também contou com a presença do secretário de Gestão e Planejamento, Edilson De Nadai, que representou o prefeito.

Ao fim da apresentação, a turismóloga ressaltou as principais demandas identificadas para as duas cidades, que serão trabalhadas pelas duas gestões municipais, como a divulgação conjunta, através de site único que forneçam informações de Olympia e Olímpia; desenvolvimento de linha de produtos medicinais e comercialização; assessoria para o planejamento e estruturação de atividades e atrações turísticas; intercâmbio cultural para realização de eventos, incentivo para a vinda de turistas gregos para conhecer a Olímpia brasileira, entre outras.

Ainda na reunião, o secretário de Turismo, Selim Murad, falou sobre o Plano Diretor de Desenvolvimento Turístico (PDDT), instituído pela Lei Nº 4.126, de 15 de junho de 2016, e que deve ser revisado a cada dois anos. Dessa forma, foi proposto aos representantes de diversos segmentos da sociedade um cronograma de atividades e ações a fim de apresentar sugestões para a revisão, ficando definida a data da próxima reunião do COMTUR para o dia 24 de setembro e a sugestão de uma audiência pública para outubro.

“O Plano Diretor é o que norteia as diretrizes de desenvolvimento da atividade turística em nossa cidade e deve ser pensado para abranger toda a sociedade. Queremos promover a sensibilização da comunidade para abraçar o setor e entender que é a atividade que move a economia da cidade. Temos um orçamento de R$ 250 milhões, sendo que R$ 230 mi são aplicados e investidos em infraestrutura e serviços para melhoria da qualidade de vida da população e apenas R$ 20 milhões são para obras de Turismo, sendo grande parte proveniente de convênios e, mesmo assim, são obras estruturais que também melhoram a vida de todos os cidadãos. Precisamos das opiniões de todos e desse envolvimento para pensar no futuro de nossa cidade”, finalizou o prefeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here