Foto-1Visando melhorar a infraestrutura e o paisagismo da Estância Turística de Olímpia, a obra da principal avenida do município, “Aurora Forti Neves”, terá uma nova etapa.

Anteontem, terça-feira (15), o secretário de Turismo Beto Puttini apresentou ao DADE – Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias – o projeto técnico para a Revitalização Turística da avenida. Como Estância Turística, Olímpia recebe, anualmente, cerca de 2,5 milhões de reais em investimentos.

O custo total do projeto gira em torno de R$ 5 milhões. A primeira parte está sendo realizada com a verba do convênio e, agora, aguarda-se o recurso do DADE para iniciar a nova etapa.

A previsão é para começar já em novembro. As obras foram iniciadas através de um convênio assinado entre o prefeito Geninho Zuliani, e governador Geraldo Alckmin.

A primeira parte do projeto prevê a canalização do Córrego Olhos D’água e está em execução com o intuito de facilitar o escoamento da água, evitando transbordamento lateral e dando alicerce para a fase de aprimoramento urbanístico e mobilidade urbana. Entre os serviços em desenvolvimento estão: limpeza do terreno e deslocamento, escavação, reaterro, gabião tipo colchão e tipo caixa, concreto usinado, guias e sarjetas e plantio de grama.

A SEGUNDA ETAPA

A reunião em São Paulo contou com a participação do secretário de Obras Luís Biagi; o assessor administrativo de convênios Anderson Dias; o coordenador de convênios Gersilei Oliveira; e o engenheiro fiscal do DADE, Clebson Gomes da Silva. Na ocasião, foi entregue o projeto de urbanização da avenida com a construção de passarelas, ciclovias, deck, sistema de iluminação, recuperação do passeio público, entre outros itens que preveem a melhor utilização e visibilidade do local por onde passam milhares de pessoas diariamente.

Imagem-ilustrativa-da-Avenida-Aurora-Forti-Neves-1

“A Avenida Aurora Forti Neves é nossa principal via de acesso ao Thermas dos Laranjais, hotéis e comércio da cidade. Ano passado, recebemos quase dois milhões de visitantes, por isso, precisávamos deixá-la mais atrativa para a população e para os turistas. Com essa reforma, vamos também torná-la mais uma opção de lazer do município”, enfatiza Beto Puttini, secretário de Turismo.

O plano foi elaborado para ser apresentado ao DADE, uma vez que órgão disponibiliza recursos para as Estâncias do Estado mediante aprovação de projetos, voltados para o turismo das cidades, depois que são avaliados pelo Conselho de Orientação e Controle do Fundo de Melhoria das Estâncias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here