Conforme revelado ontem (12) com exclusividade pelo Diário de Olímpia, e levado ao ar na edição de hoje (13) da Live Diária, às 13h, o prefeito da Estância Turística de Olímpia, Fernando Cunha, assinou, ontem protocolo de cerca de R$ 600 mil com o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, do Governo do Estado. O programa vista reduzir pela metade o número de acidentes fatais em São Paulo. A cerimônia de assinatura ocorreu no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista.

As parcerias com o governo estadual preveem apoio técnico para realização de projetos, além da possibilidade de transferência de recursos financeiros por meio do DETRAN-SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) para a execução de melhorias viárias e ações de educação para o trânsito.

O Governador de São Paulo, assina Convênios do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.
e Protocolo de Intenções do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito – Foto:Gilberto Marques/A2img

“Com o benefício repassado nós pretendemos investir no trânsito da nossa cidade para ações de redução de vítimas fatais no trânsito e fazermos outros investimentos para melhorar as condições de segurança nas ruas de Olímpia, incluindo um trabalho de conscientização através de campanhas educativas”, afirmou o prefeito.

Além de Olímpia, mais 35 municípios assinaram os protocolos, totalizando 103 cidades do Estado envolvidas na campanha. De acordo com o Governo, os critérios para escolha dos novos municípios atendidos pelo programa incluem o número de habitantes e a proporção de óbitos causados por acidentes de trânsito.

Ainda segundo o Palácio dos Bandeirantes, o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito possui cinco frentes de atuação. Além dos convênios com municípios, que prevê a destinação de R$ 110,5 milhões provenientes de multas aplicadas pelo DETRAN-SP, mantém equipes de trabalho com foco em rodovias, ações de órgãos e secretarias de Governo, comunicação e sistema de dados.

O projeto será elaborado por um grupo de trabalho da Prefeitura com a equipe da Prodem – Progresso e Desenvolvimento Municipal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here