O novo balanço do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), referente a 2019, mostra que as escolas municipais de Olímpia evoluíram em comparação aos dados de 2017 (6.8), atingindo nota final de 6.9.

O índice, que avalia o desenvolvimento da educação básica brasileira, foi divulgado nesta terça-feira (15), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Segundo o relatório, a meta projetada para o ano era de 6.5, o que representa que o município superou em 6% a nota esperada para os anos iniciais do Ensino Fundamental. O resultado ultrapassou ainda a meta nacional, que ficou em 5.9, e a do Estado de São Paulo (6.7), inclusive já é também maior do que a meta projetada para 2021, de 6.7.

As escolas municipais de melhor desempenho foram a EMEB Theodomiro da Silva Melo (7,6), EMEB Prof. Washington Junqueira Franco, no distrito de Baguaçu, (7,3) e a EMEB Professor Reinaldo Zanin (7,4).

O Ideb também contempla os anos finais do Ensino Fundamental regular, de 6º a 9º ano, e o Ensino Médio. Nessas categorias, os melhores resultados de Olímpia foram obtidos pela Escola Estadual Capitão Narciso Bertolino (7.0) e pela ETEC (6.2), respectivamente.

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), com notas que variam de 0 a 10, é calculado a cada dois anos com base em dados de aprovação das escolas e de desempenho dos estudantes no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb), cujas provas foram aplicadas no fim do ano passado.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), os resultados são importantes para mensurar o desempenho do sistema educacional brasileiro e, assim, aprimorar a educação para que o país alcance níveis educacionais compatíveis com seu potencial de desenvolvimento.

Os dados completos estão disponíveis no Portal: http://portal.inep.gov.br/web/guest/educacao-basica/ideb/resultados

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here