A Secretaria de Turismo e Cultura informa que o Museu de Arte Sacra e Diversidade Religiosa estará fechado para visitação até o próximo domingo (12).

A locomotiva, que está no prédio, será transferida para a futura Estação Cultural de Olímpia (Estação Ferroviária) para revitalização do espaço atual.

Trata-se de uma locomotiva (maria-fumaça) que de 1940 a 1950, aproximadamente, fez o elo entre Olímpia e o resto do Brasil, promovendo o desenvolvimento econômico da região.

Por esse motivo, a energia elétrica do prédio foi desligada para o transporte, por meio de guindastes.

Na terça-feira (14), o atendimento ao público retorna em horário normal, das 15h às 21h.

LOCOMOTIVA INGLESA

Até 2017, o Museu de História e Folclore de Olímpia esteve instalado no Edifício Giosué Tonanni, um palacete construído na década de 1910, em um terreno de 2.279 m², cortado pela então Estrada de Ferro São Paulo-Goiás. Os trilhos passavam pelo local da residência, no trajeto Bebedouro a Nova Granada. O abastecimento de água da “Maria Fumaça” era feito no próprio quintal, em um reservatório localizado na parte mais alta do terreno, doado pelo proprietário para a Companhia de Estrada de Ferro. Uma cancela interrompia o fluxo dos carros e transeuntes quando o trem passava em direção à Estação Ferroviária, localizada no quarteirão seguinte.

Agora, essa locomotiva inglesa, de 1892, instalada em um trecho dos trilhos do Museu, que hoje é de Arte Sacra e Diversidade Religiosa, vai continuar ilustrando essa história do passado no futuro Centro Cultural e Turístico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here