O soldado Leonel Almeida de Carvalho, de Olímpia, foi morto durante troca de tiros com uma quadrilha que assaltou uma empresa de transporte de valores, na madrugada desta segunda-feira, dia 4, em Santos. Segundo a polícia, outro policial, de Araraquara, e um morador de rua também morreram. O confronto deixou ainda duas pessoas feridas.

Um grupo formado por ao menos 40 homens tentou assaltar uma empresa no litoral sul de São Paulo. O alvo dos criminosos, segundo a Polícia Militar, eram malotes de dinheiro. Armados com fuzis e usando carros blindados, os bandidos chegaram ao local antes das 4 horas. Os criminosos usaram um caminhão e bombas para arrombar o portão principal da empresa de transporte de valores Prosegur, localizada na rua Silva Jardim, no bairro do Macuco.

pm-leonel

A Polícia Militar foi acionada e, em poucos minutos, chegou ao local do crime. Policiais e criminosos trocaram tiros, e uma perseguição foi iniciada, por vários bairros da cidade. Em frente à Rodoviária de Santos, na região central, mais um tiroteio foi registrado. No local, foram atingidos dois policiais, incluindo o soldado Leonel, e o morador de rua

O grupo criminoso utilizou, como rota de fuga, a via Anchieta. A Polícia Militar Rodoviária realizou um bloqueio e mais dois policiais foram feridos. De acordo com a PM, os criminosos fugiram em direção a São Bernardo do Campo.

A empresa Prosegur afirma que nenhum de seus funcionários foram feridos e que não vai divulgar o valor roubado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here