Para buscar soluções para a constante falta d’água em alguns bairros de Olímpia, a autarquia Daemo Ambiental assinou nesta quarta-feira (28), o contrato para a execução das obras de interligações hidráulicas reservatórios do Viva Olímpia. O ato de assinatura contou com a presença do prefeito Fernando Cunha, a superintendente da Daemo, Tina Riscali, colaboradores do Daemo e representantes da empresa.

Os bairros beneficiados com as interligações são Cisoto, Harmonia, Morada Verde, Jardim Paulista, São Domingos, Viva Olímpia, parte do Jardim Leonor e parte do Menina Moça 1 e 2.

No total, serão investidos cerca de R$ 500 mil em recursos próprios. A empresa responsável pela obra é a Amaralina Construções e Empreendimentos LTDA, da cidade de Marília. O prazo para a conclusão da obra é de três meses.

Na obra, serão construídas novas redes de adução e distribuição, casa de dosagem de cloro e flúor e casa de bombas do reservatório novo de 1.500 metros cúbicos, que foi finalizado neste mês de novembro, e o reservatório existente de 500 metros cúbicos no bairro Viva Olímpia.

O objetivo é aumentar a capacidade de reserva de água com a criação de um novo distrito de medição e controle, abrangendo sistemas que estão com problemas no abastecimento, possibilitando também a setorização desse novo sistema com a instalação de registros de manobras.

A caixa existente, de 500 metros cúbicos, será utilizada para alimentar a região que será intitulada “zona alta”, devido à altura de 22 metros da sua coluna d’água em relação ao nível do solo. Já o novo reservatório metálico, 1.500 metros cúbicos, será utilizado para alimentar a “zona baixa” devido à altura de sua coluna d’água, que é de 15 metros em relação ao nível do solo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA