O prefeito da Estância Turística de Olímpia, Fernando Cunha, disse hoje (30) pela manhã, ao Diário, que por recomendação médica e ‘bom senso administrativo’ estenderá a quarentena, administrando a cidade de sua residência. Ele está assim desde quando retornou da Grécia, quando participou da cerimônia de acendimento da Chama Olímpica na Olympia antiga.

Segundo ele, por orientação médica, irá evitar ao máximo contato com outras pessoas e não atenderá na prefeitura, por ora, não irá também se encontrar pessoalmente com o vice-prefeito, o médico Fábio Martinez, que por ser médico está sujeito a contágio, o prefeito vai se reunir com apenas uma pessoa por vez em ambiente aberto.

Fernando Cunha garante: “Estou muito bem, mas se o prefeito adoecer neste momento, a cidade poderá ficar desassistida de comando, já que o vice é peça importante na Saúde e na Santa Casa, principalmente”.

Ele reafirmou que é melhor assim, melhor assim, “é melhor pensar na linha de sucessão, o vice-prefeito está muito exposto ao Covid-19 e poderá ir para o isolamento se for contaminado, dando a vez para o presidente da Câmara Antonio Delomodarme, o Niquinha, então neste momento temos de seguir a recomendação de isolamento, distanciamento e focar no que a população mais precisa neste momento: de toda a atenção e comando para superarmos essa fase”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here