Considerando a elevação no número de casos da Covid-19 em toda a região, e principalmente os 15 casos somente no último final de semana, batendo recorde em relação às últimas semanas, em Olímpia, e visando ampliar o atendimento e a testagem da população olimpiense, a Prefeitura, por meio da secretaria de Saúde, está finalizando a instalação de uma unidade de síndrome gripal. Ontem, o prefeito Fernando Cunha gravou uma vídeo a respeito dessa gravidade e anunciando medidas.

A medida leva em conta a mudança nos protocolos de saúde, que agora autorizam a realização de exames, seja tipo RT-PCR com coleta de swab naso-orofaringe (exame do cotonete) ou testes rápidos, em todo paciente que apresente sintomas gripais, respeitando o período necessário a partir do início dos sintomas para a detecção da Covid.

A unidade de atendimento funcionará temporariamente no espaço ao lado do ARE – Ambulatório de Referência e Especialidades (Postão), que passou por reforma para abrigar o futuro Centro Especializado em Saúde da Mulher e será ativado emergencialmente para os cuidados da Covid-19. Para operacionalização do local, a Prefeitura está contratando mais 25 profissionais de saúde, sendo 12 técnicos de enfermagem, oito enfermeiros e cinco médicos clínico-gerais, habilitados no Processo Seletivo Simplificado 001/20 para atuação exclusiva durante a situação de emergência da Covid. A convocação dos aprovados foi publicada no Diário Oficial Eletrônico desta terça-feira (7).

“Antes, só tínhamos autorização para testar, com os exames que compramos e também com os que recebemos do Governo Federal e do Estado, as pessoas com sintomas característicos de Covid. Mas agora, com o novo protocolo, também vamos poder atender quem tem sintomas de outras enfermidades gripais e resfriados. Por isso, destinamos este espaço específico que chamamos de “Gripário”. A intenção é que o morador que apresentar sintomas não vá à UPA ou às UBS e, sim, direto para essa nova unidade no Postão. À medida que vai surgindo a necessidade, nós vamos investindo e, assim, já autorizei mais de R$ 80 mil por mês para a contratação de mais médicos e enfermeiros e, em questão de uns 10 dias, vamos poder ampliar a capacidade de atendimento e de testagem direcionada, que pode nos levar a um aumento de casos, mas nos dará um panorama melhor da situação da cidade”, explicou o prefeito Fernando Cunha.

“Temos seguido os protocolos do Ministério da Saúde, que tem todo um processo para testar. Não somos nós que decidimos fazer ou não o teste. Queremos atender bem a população e não esconder nada. Se a situação se agravar, somos os primeiros a querer falar para a população porque temos que ter os cuidados, por isso, estamos testando conforme as orientações.,mas nós estamos ampliando e com o gripário vamos fazer mais testes ainda”, acrescentou.

TESTES POR AMOSTRAGEM

Intensificando ainda o trabalho de monitoramento da Covid no município, o prefeito anunciou também, nesta semana, a realização de um estudo sobre o cenário da contaminação pelo Coronavírus, com a testagem por amostragem da população.

A ação envolverá cerca de 500 moradores da cidade e dos distritos de Ribeiro e Baguaçu, que serão selecionados por um modelo estatístico, abrangendo as diferentes regiões do município, todas as idades, gêneros (homens e mulheres), qualificação profissional e nível de escolaridade. Os escolhidos estão sendo contatados pela equipe do Cartão Cidadão e, se concordarem em participar, uma equipe da Saúde irá coleta o exame dessas pessoas. A pesquisa conta com a estratégica e conhecimento técnico do Instituto Sinfor – Consultoria e Pesquisa, que já é uma empresa especializada que presta serviços ao município, contratada desde o início da gestão, por meio de licitação.

“Esperamos chegar nesse momento porque agora nós já temos mais de 100 dias da Covid e vamos estabelecer uma referência, um ponto de partida do grau de contaminação e do grau de imunização da cidade. Teremos moradores de todos os bairros da cidade testados e vamos demorar uns 15 dias para fazer esses exames e, desta maneira, podemos entender o verdadeiro cenário para estabelecer melhores estratégias de saúde para conter a propagação. Por isso, eu repito aqui, que não temos o porquê esconder nada e, pelo contrário, nós temos que ter consciência para poder tratar a situação com a seriedade que a Covid requer”, concluiu o prefeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here