Em prol da melhoria na saúde pública em toda a sua área de atuação, a CPFL Energia e o Instituto CPFL lançaram o Programa CPFL nos Hospitais, iniciativa que ajudará instituições públicas e filantrópicas a reduzirem suas contas de energia elétrica. Nas regiões de São José do Rio Preto, nesta primeira etapa do programa, serão beneficiadas cinco instituições de saúde.

Em São José do Rio Preto, a Fundação Faculdade Regional de Medicina (FUNFARME) foi a primeira instituição selecionada. Em Barretos, serão contempladas a Santa Casa de Misericórdia, o Hospital do Amor Principal e o Hospital do Amor Infantil (os dois últimos mantidos pela Fundação Pio XII). Em Olímpia, o programa de eficiência energética irá beneficiar a Santa Casa de Misericórdia da cidade.

A iniciativa dará a oportunidade a essas instituições de reduzirem os gastos com suas faturas de energia elétrica e investirem o dinheiro economizado em outras áreas, para melhoria do atendimento, beneficiando a comunidade e a região onde estão inseridos. Além do benefício da redução nas contas dos hospitais, a iniciativa também gera ganhos ambientais. O menor consumo de energia elétrica evita, por exemplo, o acionamento de usinas térmicas, mais caras e poluentes. A implantação de energia solar fotovoltaica nos clientes reforça o compromisso da CPFL com o meio ambiente e a sustentabilidade, através de uma matriz energética renovável e limpa.

Segundo Rafael Lazzaretti, diretor de Estratégia e Inovação da empresa, o Programa CPFL nos Hospitais realizará o maior investimento já registrado no Brasil em energia solar fotovoltaica dentro de Programas de Eficiência Energética. “O valor total será destinado para a realização dos projetos em três anos, já a partir de 2019. Estão aptos a participar da ação as instituições públicas e filantrópicas de saúde situadas nas cidades das áreas de concessão das nossas distribuidoras”, reforça Lazzaretti.

O Programa conta com três frentes de trabalho: ações de eficiência energética, investimento na melhoria dos hospitais e um programa de doação em conta de energia para hospitais. O primeiro pilar de eficiência energética contará com investimento de até R$ 150 milhões nas quatro distribuidoras – CPFL Paulista, CPFL Piratininga, CPFL Santa Cruz e RGE – do Grupo CPFL e atenderá até 200 hospitais – já foram mapeados cerca de 80 deles – com a instalação de usinas fotovoltaicas e a substituição de lâmpadas com tecnologia obsoleta por modelos mais eficientes, de LED. Ao final do Programa é esperado que os hospitais economizem aproximadamente R$ 18 milhões por ano em suas contas de energia.

O segundo pilar desse Programa dará continuidade a uma iniciativa conduzida pelo Instituto CPFL. Através do PRONON (Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica) e dos Conselhos Municipais do Idoso (CMI), o Instituto CPFL vem investindo na melhoria nas condições dos hospitais. Os objetivos desse pilar é ampliar a oferta de serviços e expandir a prestação de serviços médico-assistenciais, apoiar a formação, o treinamento e o aperfeiçoamento de recursos humanos – em todos os níveis, e realizar pesquisas clínicas, epidemiológicas, experimentais e socioantropológicas.

Desde 2018 estão em andamento investimentos que somam R$ 4,8 milhões que incluem melhorias nos hospitais do Instituto do Câncer (Fortaleza – CE), Hospital Fornecedores Cana Piracicaba (SP), Hospital Infantil Varela Santiago (Natal – RN), Hospital de Caxias do Sul (RS), Hospital do Câncer de Barretos (SP) e Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi de Veranópolis (RS).

O terceiro pilar do Programa CPFL nos Hospitais permite que os clientes realizem doações para os hospitais através da conta de energia. Essas doações aumentam a arrecadação dos hospitais e Santas Casas permitindo que sejam feitos investimentos na melhoria das condições de atendimento. A CPFL Total – empresa do Grupo CPFL Energia – oferece esse serviço hoje para 94 hospitais nos estados do Rio Grande do Sul e de São Paulo. Essa iniciativa de doação arrecada em média R$ 3,7 milhões por ano, recursos que auxiliam a gestão diária dos hospitais participantes. O objetivo é expandir essa iniciativa em 2019 e 2020, um exemplo concreto é a adesão da Santa Casa de Chavantes que passará a receber doação a partir do mês de outubro de 2019.

Com esses três pilares de atuação, o Programa CPFL nos Hospitais reforça o compromisso da CPFL Energia e do Instituto CPFL de atuar em conjunto com a sociedade em prol da saúde pública e o bem-estar da população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here