O prefeito Fernando Cunha, de Olímpia, fez o seu último pronunciamento pelas redes sociais antes do prazo legal concedido pela legislação eleitoral, acerca da evolução da Covid-19 nos últimos dias, uma média de 40 novos positivos diariamente, ao mesmo tempo em que evoluiu a ocupação da UTI – cerca de 90% até ontem, e pediu, mais uma vez, que a população reforce protocolos de segurança e de higiene. Ele calcula que 10% da população esteja contaminada, ou seja, perto de seis mil pessoas.

Cunha revelou que, todos os dias, o Gripário recém-inaugurado no Postão, tem recebido cerca de 80 olimpienses com diversos sintomas respiratórios. Ao mesmo tempo em que aumentou a oferta de exames preventivos.

O prefeito lamentou as últimas perdas para a doença respiratória causada pelo novo coronavírus, especialmente do cabo PM Reginaldo, aos 49 anos de idade. “A maioria dos casos apresenta comorbidades, por isso cuidem da saúde”, ressaltou.

Fernando disse que não adianta alguns reclamarem a urgência de um fechamento total da cidade – LockDown. “Esse não é o caminho, e sim a conscientização de cada um, usando corretamente máscaras e mantendo o distanciamento social. É o melhor que podemos fazer para enfrentar a pandemia, esperamos a vacina chegar, mas até lá, início do ano, talvez, temos que fazer a nossa parte”, assinalou o prefeito.

Ele descartou a volta às aulas, inclusive em outubro, o que seria “uma irresponsabilidade se não houver segurança, falta pouco para terminar o ano, se não tivermos uma melhora muito grande da presença do vírus, nas nossas escolas, não vamos voltar, os pais podem ficar seguros que, de nossa parte, somos muito responsáveis pela vida dos seus filhos, não há razão para nos arriscarmos, vamos manter ensino à distância”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here