Os Grupos Flor da Serra, de Chã Preta, e Xique Xique, de Maceió, são mais dois representantes do nordeste brasileiro presentes no 55º Festival do Folclore da Estância Turística de Olímpia. Eles serão o Estado de Alagoas na Capital Nacional do Folclore, de 3 a 11 de agosto, trazendo a cultura daquela região para o palco e ruas da cidade.

É de 17 de maio de 2000 a data de fundação do Grupo Cultural Xique Xique, que nasceu com objetivo de animar a festa de Santo Antônio, padroeiro da comunidade do Bairro do Jacintinho, em Maceió. O grupo, hoje, tem mais de 150 componentes atuando com três atividades culturais: coco de roda alagoano, quadrilha junina e bumba meu boi de Alagoas.

Participou do Festival de Olímpia em 2010, 2016 e 2018. É o maior campeão dos Festivais de Coco de Roda Alagoano, com cinco títulos de concursos estaduais.

O Grupo Flor da Serra, de Chã Preta, foi fundado em dezembro de 2000, com o intuito de preencher a lacuna deixada pelo saudoso “Mestre Pedro”, professor Pedro Teixeira de Vasconcelos, criador do Núcleo Folclórico Beatriz Vasconcelos.

“Com o seu falecimento nossa comunidade ficou apagada, triste, e nossos jovens, principalmente, bastante ociosos”, conta Maria das Graças de Vasconcelos, sobrinha do Mestre Pedro e atual diretora do grupo.

“Sentimos a necessidade de continuarmos o projeto junto aos garotos e garotas champretenses. Formamos o Flor da Serra, remanescente do Núcleo Folclórico Beatriz Vasconcelos e seguimos com folguedos tradicionais de nosso Estado e do nosso município. Nós somos parafolclóricos porque estudamos e buscamos compreender a nossa cultura. Seguimos o legado deixado pelo Pedro Teixeira. Nós lutamos para que o jovem participe do folclore e que dê continuidade às tradições”, completa Graça Vasconcelos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here