A geração de emprego na Estância Turística de Olímpia fechou o primeiro semestre de 2017 com saldo positivo de 439 contratações. O índice é do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado nesta semana pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

O levantamento, que avalia 370 cidades do Estado de São Paulo acima de 10 mil habitantes, mostra que, no acumulado do ano, o município obteve 2.862 admissões contra 2.423 demissões.

Durante o período, o destaque foi o mês de abril quando a cidade registrou o maior saldo positivo de contratação de toda a região de São José do Rio Preto com 540 empregos.

Além disso, o balanço do primeiro semestre deste ano também aponta crescimento de quase 12% no saldo em relação ao mesmo período de 2016, em que Olímpia fechou com 393 contratações a mais do que desligamentos.

ESTÂNCIAS PAULISTAS

Considerando o turismo como um dos setores mais propulsores do desenvolvimento econômico das cidades, o relatório permitiu ainda verificar a situação da empregabilidade dos municípios que são estâncias paulistas.

De acordo com a análise, a Estância Turística de Olímpia é a 7ª cidade turística do Estado que mais gerou empregos neste ano, superando cidades como a Estância Climática de Campos do Jordão, que registrou saldo de 366 empregos.

“Apesar do instável momento econômico e político do país, é com grande satisfação que vemos que nossa cidade continua caminhando positivamente na geração de empregos. O turismo é hoje para Olímpia o principal setor de contratação direta e indireta que temos e isso reflete na comparação com os demais municípios turísticos do Estado. O trabalho não pode parar e nós vamos em busca de novas empresas para que nossa população tenha emprego, renda e qualidade de vida”, ressalta o prefeito Fernando Cunha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here