A Câmara Municipal de Olímpia vai votar, em sessão extraordinária nesta sexta-feira, 17, mudanças no regimento interno do legislativo e da Lei Orgânica do Município após um estudo desenvolvido por uma Assessoria especializada a vários meses. “Não tem nada a ver com privatização da autarquia Daemo, e nem se cogita isso”, disse o presidente da Câmara José Roberto Pimenta, Zé Kokão.

Nas redes sociais, circula-se fake news sobre a privatização do serviço de água e esgoto da cidade, Daemo, inclusive com cartazes com fotos dos vereadores cobrando posição.

A polêmica surgiu porque a consultoria especializada contratada disse que, no tocante à uma possível privatização de serviço público em Olímpia, não haveria necessidade, portanto seria ilegal, conforme consta da atual legislação, de consulta popular, gerando aí a interpretação de que seja a vontade da Prefeitura de privatizar o serviço de água e esgoto de Olímpia.

O Diário ouviu várias fontes da gestão, todas afirmam que não há intenção de privatizar a autarquia Daemo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here