Um acidente envolvendo três veículos provocou a morte de duas pessoas e deixou outra gravemente ferida na noite desse sábado (5), no Km 511 da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), município de Estrela do Norte. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMR), uma ultrapassagem foi a responsável pela colisão.

Por volta das 19h10, uma Toyota Hilux, placas de Bonito/MS, tentou ultrapassagem quando transitava no sentido Tarabai a Pirapozinho. Durante a manobra, colidiu frontalmente com uma Honda Hornet CB 600, placa de Presidente Prudente. A colisão ainda envolveu um caminhão bitrem Volvo, placas de Maringá/PR, carregado com açúcar.

Com o impacto, os ocupantes da moto, R. A. S. A, 37 anos, e C. A. S. S., 44 anos, moradores de Presidente Prudente, faleceram no local.

Já o condutor da Hilux, Deusivaldo Rosa dos Santos, 56 anos, residente em Olímpia, teve ferimentos graves. A passageira do carro, 59 anos, Vera, esposa de Deusivaldo, teve apenas ferimentos leves. Eles foram levados para a Santa Casa de Misericórdia de Prudente.

Apesar do caminhão ser atingido por estilhaços, o motorista O. M., 70 anos, morador de Maringá/PR, nada sofreu.

De acordo com a PMR, o trecho da rodovia é de pista simples, porém, o tempo era bom.

O trânsito foi liberado por volta das 2h30 deste domingo (6), após os trabalhos da Polícia Científica.

Fonte: Portal Prudentino

P.S.: O filho Rodrigo Moro está na Santa Casa de Presidente Prudente. Estamos tentando obter informações. O filho fez a seguinte declaração, no Facebook:

rodrigo moroMas eu só quero lembrar..que de 10 vidas, 11 eu te daria , e foi vendo você que eu aprendi a lutar. Mas eu só quero lembrar, antes que meu tempo acabe pra você não se esquecer, que se Deus me desse uma chance de viver outra vez…eu só queria se tivesse você! Pai..eu sei que esse acidente não vai separar a gente..só vai nos unir ainda mais. Amo você, amo a mamãe. Estou te esperando.. (Rodrigo Moro)

2 COMENTÁRIOS

  1. Lamento pelo senhor estar em estado grave , mas lamento mais ainda pelas vidas ceifadas num ato de irresponsabilidade onde a pressa fala mais que o amor ao proximo e a si mesmo.

  2. Concordo com o comentário acima, poderia ser meu filho na moto, imaginem a dor das familías dos falecidos, que estavam certos e vem um apressadinho e comete essa loucura. Para se pensar um pouco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here