O prefeito Renato Azeda e os vereadores Lecão Machado, Marcelo Banana, Paulo Pastrez e Bruno Ramos estiveram nesta quarta-feira (4), no Operador Nacional do Sistema (ONS) em Brasília afim de que a gravidade do Reservatório de Marimbondo, ocorrida no ano passado, não se repita.

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) é o órgão responsável pela coordenação e controle da operação das instalações de geração e transmissão de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional (SIN) e pelo planejamento da operação dos sistemas isolados do país, sob a fiscalização e regulação da Agência Nacional.

“Estivemos lá junto com o deputado federal Arnaldo Jardim e o prefeito de Fronteira/MG, Sérgio Paulo Campos, para conversar com os diretores afim de que a situação ocorrida no ano passado não se repita novamente”, disse o prefeito Renato Azeda.

As comitivas de Guaraci e Icem foram informadas de que “o órgão está trabalhando com o planejamento para o período mais crítico para ficar com o mínimo que atenda os mínimos” e que, também, há um planejamento de recuperação “para manter um equilíbrio para este e os próximos anos”. Para o prefeito de Guaraci, são “notícias que trazem muitos benefícios para a nossa cidade e a nossa região que é movimentada pelo turismo e pelo agronegócio”.

Participaram da reunião, além do prefeito Renato Azeda, os vereadores Lecão Machado, Marcelo Banana, Paulo Pastrez e Bruno Ramos, deputado federal Arnaldo Jardim, prefeito de Fronteira Sérgio Paulo Campos e os diretores do ONS, Alexandre Zucarato, diretor de planejamento; Sinval Zaidan Gama, Diretor de Operação e Luiz Carlos Ciocchi, diretor-geral.

“Se tivermos algum problema com o nível do reservatório ou qualquer oscilação fora da normalidade, o canal de comunicação está aberto. Estaremos vigilantes sempre buscando o melhor para Guaraci e região”, concluiu Arnaldo Jardim.