O DIAP, Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, constituído por cerca de 900 entidades sindicais de trabalhadores congregando centrais, confederações, federações, sindicatos e associações distribuídas em todos os estados do País, das quais 90 são de Brasília, escolheu o deputado federal olimpiense Geninho Zuliani (DEM-SP) como um dos 150 ‘cabeças’ do Congresso Nacional em 2021.

Os “Cabeças” do Congresso Nacional são, na definição do DIAP, aqueles parlamentares — deputados se senadores — que conseguem se diferenciar dos demais pelo exercício de todas ou algumas das qualidades e habilidades aqui descritas. Entre os atributos que caracterizam um protagonista do processo legislativo, destacam-se a capacidade de conduzir debates, negociações, votações, articulações e formulações, seja pelo saber, senso de oportunidade, eficiência na leitura da realidade, que é dinâmica, e, principalmente, facilidade para conceber ideias, constituir posições, elaborar propostas e projetá-las para o centro do debate, liderando a repercussão dessas, e tomada de decisão. Enfim, é o parlamentar que, isoladamente ou em conjunto com outras forças, é capaz de criar o papel e o contexto para desempenhá-lo.

Ao tomar conhecimento de que foi escolhido entre os 150, Geninho comentou: “Levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar me coloca entre os 150 parlamentares mais influentes hoje, no Congresso Nacional. Somente integram essa relação aqueles que têm se destacado em missões partidárias, políticas ou institucionais. Desde o início do mandato como deputado federal, pauto minhas ações pela lisura e comprometimento ético. Agradeço a cada um dos eleitores que confiaram a mim essa missão. Trabalho sério se faz assim”.

Além dos 100 “Cabeças”, desde a 7ª edição da série, o DIAP divulga levantamento incluindo na publicação anexo com outros parlamentares que, mesmo não fazendo parte do grupo dos 100 mais influentes, estão em plena ascensão, podendo, mantida a trajetória ascendente, estar futuramente na elite parlamentar. Pode-se dizer que estão entre os 150 mais influentes, caso do parlamentar olimpiense Geninho Zuliani.

Geninho está nessa definição do DIAP: “Entende-se por parlamentar em “ascensão” aquele deputado ou senador que vem recebendo missões partidárias, políticas ou institucionais e se desincumbindo bem dessas. Estão também nessa categoria, os parlamentares que têm buscado abrir canais de interlocução, criando seus próprios espaços e se credenciando para o exercício de lideranças formais ou informais no âmbito do Parlamento”. (Diário de Olímpia)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here