A Câmara Municipal de Olímpia protocolou na manhã desta quinta-feira (30) pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), com a finalidade de investigar a concessão de uso de bem público para exploração, com exclusividade, de serviços funerários, no cemitérios da cidade, pelo prazo de 30 anos “sem o devido processo licitatório”.

A CPI foi instaurada com assinatura dos vereadores Antônio Delomodarme (Niquinha), Helio Lisse Junior, Fernando Roberto da Silva e Luiz Antônio Ribeiro.

Presidente da Câmara Antônio Delomodarme (esq.) é um dos signatários. Ele vai estar ao vivo na Live do Diário segunda-feira (4)

Segundo o requerimento, “a instituição da comissão especial de inquérito se mostra necessária diante de pareceres emitidos pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo no sentido da irregularidade da concessão”.

Confira a íntegra do protocolo da CPI:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here